Foi divulgado no dia 21 de fevereiro a notícia pela CBS de Filadélfia a seguinte informação:

“Os dados são assustadores: quase metade de todas as torneiras nos Estados Unidos poderiam estar contaminadas pela bactéria que causa da Doença dos Legionários

Esse foi o anúncio de um estudo realizado pela EPA (agência de proteção ambiental dos EUA) e publicado no periódico Environmental Science & Technology que apontou a possibilidade de que 48% das torneiras no país estariam contaminadas pela Legionella (foram testadas torneiras de locais públicos e privados utilizadas em pontos como cozinhas ou bebedouros).

Confira abaixo partes selecionados do sumário do artigo:

Nos Estados Unidos, 3.522 casos de legionelose foram reportados pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças em 2009. Desses, estima-se que 84% são causados pelo microrganismo Legionella pneumophila Sorogrupo (Sg) 1. Espécies de Legionella foram isoladas e recuperadas de uma variedade de ambientes naturais de água. Exposição humana a L. pneumophila Sg1 podem ocorrer pela aspersão e inalação de água utilizada em sistemas prediais, industriais entre outros. (…)  Foram coletadas 274 amostras de água entre 2009 e 2010 de 68 torneiras públicas e privadas em todo os Estados Unidos (…) Aproximadamente metade de todas as torneiras apresentaram presença de L. pneumophila Sg1 em uma amostra isolada, enquanto que 16% apresentaram a bactéria em mais de uma ocasião. Este é o primeiro estudo nacional que documenta a ocorrência e colonização de L. pneumophila Sg1 em pontos de consumo de sistemas de água potável fria.