Levantamento realizado na Austrália com 72 tanques de coleta de água de chuva demonstraram que 74% deles estavam contaminados com Escherichia coli e 94% com Enterococcus ssp, ambas bactérias são indicativos de contaminação fecal. Foram realizadas análises de alta precisão pela amplificação de DNA (qPCR) de quatro patógenos oportunísticos: Aeromonas hydrophila, Staphylococcus aureus, Pseudomonas aeruginosa e Legionella pneumophila.  Todas as quatro bactérias foram identificadas sendo, respectivamente, encontradas em 29%, 15%, 13% e 6%.